««« CD TONDELA × SL BENFICA DOM 17 DEZ 20h15 «««« Fundação:1904 | Presidente SAD:Luis Filipe Vieira /Site Oficial do Sport Lisboa e Benfica www.slbenfica.pt/

Receba Noticias via Email
Clique Aqui ☚ Clique Aqui ☚
Emblema Benfica

Plantel Principal 2017\2018

Classificação

 facebook  twitter  youtube  feed

Resultados futebol ao vivo oferecidos por Futebol.com


BEM VINDO

Benfica TV Online em Direto

Link 1 Clique Aqui ☚ Link 2 Clique Aqui ☚

Seguidores

BTV

Some alt text
BTV
Some alt text
BTV
BTV
Some alt text
BTV
BTV

NOS OITAVOS DE FINAL DA CHAMPIONS SL Benfica-Nápoles, 1-2

terça-feira, 6 de dezembro de 2016


No Estádio da Luz, o jogo entre as equipas do Sport Lisboa e Benfica e do Nápoles teve um momento de silêncio em memória das vítimas da equipa brasileira da Chapecoense. O árbitro espanhol, Mateu Lahoz apitou para o início da partida e o que se viu foi um Nápoles personalizado nos primeiros minutos, a jogar de forma apoiada e a trocar a bola no meio-campo Benfiquista.
Talvez algo surpreendido, o Benfica demorou algum tempo a encontrar-se, mas acabou, com o passar dos minutos, por crescer no encontro. Porém, o primeiro remate perigoso foi de Hamsik para defesa de Ederson (20’). O minuto 20 foi, aliás, o mote para o surgimento do “frenesim” na Luz. Aos 21 minutos, Gonçalo Guedes fica com o esférico beneficiando de um ressalto, mas, na área, o remate saiu um pouco ao lado. Mais Benfica no jogo e Raúl Jiménez teve o golo no pé direito. Arrancou que nem uma flecha para a área e disparou com Reina a sacudir para canto (23’).
Porém, o equilíbrio foi a nota que torneou os primeiros 45 minutos, com as equipas a arriscarem pouco de forma a não se descompensarem no setor mais recuado. Antes do descanso, o Nápoles voltou a testar a atenção de Ederson com um remate de Gabbiadini já dentro da grande área. O intervalo chegava com o nulo a permanecer no marcador.
Golos apareceram
Tirado a papel químico, o Nápoles regressou ao relvado melhor do que os da casa, mas cedo o jogo ficou equilibrado. Rafa entrou aos 57’ e no minuto seguinte levou perigo à área italiana. Do susto ao golo foi um pulo. Callejón apareceu isolado frente a Ederson, pica-lhe o esférico e inaugurou o marcador na Luz.
O Benfica sentiu o golo e o Nápoles controlou o jogo com bola no meio-campo. Apenas de bola parada, num livre direto, as águias voltaram a criar perigo. Pizzi aos 76 minutos. Novo susto, novo golo! Martens trabalhou bem na área e rematou colocado (78’). O 0-3 não surgiu aos 83 minutos porque Ederson negou os intentos a Zielinski.
Não marcaram o Nápoles, reduziu o Benfica através de Raúl Jiménez, à passagem do minuto 87. Até final, o resultado não mais se alterou. Apesar da derrota por 1-2, o Benfica segue para os oitavos de final da Liga dos Campeões pelo segundo ano consecutivo. O sorteio tem lugar na segunda-feira, dia 12 de dezembro.
O Sport Lisboa e Benfica alinhou com Ederson; Nélson Semedo, Luisão, Lindelöf, André Almeida; Fejsa, Pizzi, Salvio (Mitroglou, 79’), F. Cervi (Carrillo, 68’); Gonçalo Guedes (Rafa, 57’) e Raúl JIménez.


Comentar com: ou
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Enviar um comentário

obrigado pelo seu comentário !!!

Siga-nos no Facebook!!! https://www.facebook.com/benficaglorioso ☚ Visita


Sports Blogs
blog directory
 
Benfica Glorioso © Obrigado e volte sempre!!!
BENFICA GLORIOSO

Feito por BENFICA GLORIOSO * SAUDAÇÕES BENFIQUISTAS * * E PLURIBUS UNUM * Benfica Glorioso © 2011 \2017