««« Na próxima jornada o Tetracampeão desloca-se a Vila do Conde para defrontar o Rio Ave. Este desafio está marcado para as 20h30 do próximo sábado, no Estádio dos Arcos. «««« Fundação:1904 | Presidente SAD:Luis Filipe Vieira /Site Oficial do Sport Lisboa e Benfica www.slbenfica.pt/

Receba Noticias via Email
Clique Aqui ☚ Clique Aqui ☚
Emblema Benfica

Plantel Principal 2017\2018

Classificação

 facebook  twitter  youtube  feed

Resultados futebol ao vivo oferecidos por Futebol.com


BEM VINDO

Benfica TV Online em Direto

Link 1 Clique Aqui ☚ Link 2 Clique Aqui ☚

Seguidores

BTV

Some alt text
BTV
Some alt text
BTV
some alt text
BTV
Some alt text
BTV
BTV

29-07-2015 05:10 Club América - SL Benfica, 0-0 (3-4) Vitória fecha International Champions Cup

quarta-feira, 29 de julho de 2015


Continua a digressão do SL Benfica no Continente Americano. Depois das passagens por Canadá e Estados Unidos da América, a equipa comandada por Rui Vitória está desde segunda-feira em território mexicano onde esta madrugada defrontou o Club América, emblema fundado a 12 de outubro de 1916, no 4.º e último desafio da InternationalChampions Cup.

Frente à equipa mais titulada do Futebol mexicano e já com maior bagagem competitiva neste momento uma vez que, inclusive, iniciou a disputa do Campeonato no último fim-de-semana, foi com ambição que as “águias” subiram ao relvado do mítico estádio Azteca (a mais de 2200 metros de altitude!), que já recebeu duas finais de Mundiais (1970 e 1986), onde Maradona marcou o golo que ficaria eternizado como a "mão de Deus".

 
Bom começo dos “encarnados”, perante uma assistência de 10373 espectadores, mas o primeiro grande sinal de perigo chegou das também “águias”, mas de sotaque mexicano, equipa orientada por Ignacio Ambriz. Darío Benedetto rematou forte e colocado ainda de fora da área, com o esférico a rasar o poste da baliza de Júlio César.

O Benfica não se atemorizou e começaram a ver-se alguns bons pormenores no processo de construção da equipa.

Aos 10’ pediu-se penálti, na sequência de um corte de Pimentel com o braço bem no coração da área depois de uma “maldade” de Carlcela, mas o árbitro mandou seguir; quatro minutos depois não houve dúvidas! Entrada duríssima de Alvarado sobre Gaitán e assinalada marca dos 11 metros por José Rojas.

Na conversão, Jonas rematou denunciado permitindo a defesa a Munoz… Oportunidade soberana desperdiçada para as “águias” lusas se colocarem na frente do marcador!

Até ao intervalo, com o ritmo de jogo a baixar, destaque para dois bons remates de Carcela e Jonas, mas o nulo manteve-se.

Nulo obriga às grandes penalidades
Reinício de jogo à semelhança do início, com Júlio César a sair da baliza, para impedir o golo de Osvaldo Martínez que se isolava na esquerda. Começavam melhor as “águias” mexicanas, mas André Almeida deu a resposta. O lateral surge solto na direita, mas o guarda-redes, Munoz, sai rápido e impede o tento.

Com o passar dos minutos, e apesar da alguma frescura trazida pelas muitas substituições, o ritmo e intensidade esmoreceram cada vez mais e o jogo tornou-se mais quezilento, com os mexicanos a usarem e abusarem das entradas duras.

Na sequência de um desses lances, depois de uma pisadela no calcanhar do grego Samaris, Burón recebe ordem de expulsão, com o América a jogar em inferioridade numérica a partir do minuto 70’.

Com o desgaste não há tática que resista e o desafio acabou por partir, surgindo então um par de boas oportunidades para ambos os lados mas sem consequências de maior. O jogo arrastou-se até às grandes penalidades e aí o Benfica foi mais eficaz. Vitória, por 4-3, com golos de Cristante, Nuno Santos, Samaris, e Jonathan Rodríguez. Gaitán desperdiçou mas Ederson defendeu uma ocasião e Carlos Rosel rematou por cima da baliza.

O Sport Lisboa e Benfica alinhou com Júlio César (Ederson, 82’); André Almeida (Sílvio, 65’), Luisão (João Teixeira, 82’), Jardel e Eliseu (Marçal, 46’); Fejsa (Samaris, 65’), Pizzi (Cristante, 65’), Talisca (Ola John, 82’), Gaitán e Carcela (Nuno Santos, 46’); Jonas (Jonathan Rodríguez, 65’).

Segue-se a Eusébio Cup
O Bicampeão Nacional fecha assim com a vitória neste desafio a sua participação na International Champions Cup.

Derrota frente ao PSG (2-3), nulo com a Fiorentina no tempo regulamentar, decidido a favor dos “viola” na marcação das grandes penalidades (4-5), com os “encarnados” a serem derrotados frente aos New York Red Bulls (1-2), um resultado claramente enganador face ao produzido… é este o saldo até ao momento.

A digressão do Sport Lisboa e Benfica ao Continente Americano termina na madrugada da próxima segunda-feira, com a realização da 8.ª edição da Eusébio Cup, frente CF Monterrey (Estádio BBVA Bancomer) um jogo que será o derradeiro teste antes do regresso a Portugal e da Supertaça, agendada para dia 9 de agosto.


Comentar com: ou
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Enviar um comentário

obrigado pelo seu comentário !!!

Siga-nos no Facebook!!! https://www.facebook.com/benficaglorioso ☚ Visita


Sports Blogs
blog directory
 
Benfica Glorioso © Obrigado e volte sempre!!!
BENFICA GLORIOSO

Feito por BENFICA GLORIOSO * SAUDAÇÕES BENFIQUISTAS * * E PLURIBUS UNUM * Benfica Glorioso © 2011 \2017